Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Mundo Pela Minha Lente

Página para quem gosta de tudo um pouco, incluindo viagens, fotografia, coisas do dia a dia....

O Mundo Pela Minha Lente

Página para quem gosta de tudo um pouco, incluindo viagens, fotografia, coisas do dia a dia....

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

31
Out15

141. Halloween!

Porque hoje é dia de festa... cá vai um pouco de historia

 

O primeiro registro do termo "Halloween" é de cerca de 1745. Derivou da contracção do termo escocês "Hallo-Hellu" (véspera do Dia de Todos os Santos) que era a noite das bruxas. [5] No Cristianismo existe o costume de celebração das chamadas Vésperas.No último serviço religioso do dia,depois do anoitecer,se celebra o dia que está por vir.Na Antiga Religião celta existia o Samhain,a Festa dos Mortos(no Cristianismo é celebrado dia 2 de novembro).Com a Cristianização das Ilhas Britânicas,de maioria Celta,houve uma mistura dos costumes das 2 religiões.

Posto que, entre o pôr-do-sol do dia 31 de outubro e 1° de novembro, ocorria a noite sagrada (hallow evening, em inglês), acredita-se que assim se deu origem ao nome atual da festa: Hallow Evening Hallowe'en Halloween. Rapidamente se conclui que o termo Dia das bruxas não é utilizado pelos povos de língua inglesa, sendo essa uma designação apenas dos povos de língua (oficial) portuguesa.

Outra hipótese é que a Igreja Católica ao eliminar o dia de Martinho Lutero, que foi o fundador da igreja protestante, disse que a salvação é pela graça e não pela obra (indulgencias). Este dia seria conhecido nos países de língua inglesa como Day of Martin Luther.

Essa designação se perpetuou e a comemoração do Halloween, levada até aos Estados Unidos pelos emigrantes irlandeses no século XIX, ficou assim conhecida como "dia das bruxas", uma lenda histórica.

Se analisarmos o modo como o Halloween é celebrado hoje, veremos que pouco tem a ver com as suas origens: só restou uma alusão aos mortos, mas com um carácter completamente distinto do que tinha ao princípio. Além disso foi sendo pouco a pouco incorporada toda uma série de elementos estranhos tanto à festa de Finados como à de Todos os Santos.

Entre os elementos acrescidos, temos por exemplo o costume dos "disfarces", muito possivelmente nascido na França entre os séculos XIV e XV. Nessa época a Europa foi flagelada pela Peste Negra e a peste bubônica dizimou perto da metade da população do Continente, criando entre os católicos um grande temor e preocupação com a morte.

Multiplicaram se as Missas na festa dos Fiéis Defuntos e nasceram muitas representações artísticas que recordavam às pessoas a sua própria mortalidade, algumas dessas representações eram conhecidas como danças da morte ou danças macabras.

Alguns fiéis, dotados de um espírito mais burlesco, costumavam adornar na véspera da festa de finados as paredes dos cemitérios com imagens do diabo puxando uma fila de pessoas para a tumba: papas, reis, damas, cavaleiros, monges, camponeses, leprosos, etc. (afinal, a morte não respeita ninguém). Também eram feitas representações cênicas, com pessoas disfarçadas de personalidades famosas e personificando inclusive a morte, à qual todos deveriam chegar.

Na Idade Média, um costume do Dia de Finados era o souling (de "soul", alma), em que crianças iam pedindo pelas portas um bolo, o "bolo das almas", em troca do qual fazia uma oração pelos familiares falecidos de quem lhes dava o bolo[6] . Essa tradição poderá ter evoluído para a tradição de pedir um doce, sob ameaça de fazer uma travessura (trick or treat, "doce ou travessura"), que teve possivelmente origem na Inglaterra, no período da perseguição protestante contra os católicos (1500-1700).

Nesse período, os católicos ingleses foram privados dos seus direitos legais e não podiam exercer nenhum cargo público. Além disso, foram lhes infligidas multas, altos impostos e até mesmo a prisão. Celebrar a missa era passível da pena capital e centenas de sacerdotes foram martirizados. Produto dessa perseguição foi a tentativa de atentado contra o rei protestante Jorge I. O plano, conhecido como Gunpowder Plot ("Conspiração da pólvora"), era fazer explodir o Parlamento, matando o rei, e assim dar início a um levante dos católicos oprimidos. A trama foi descoberta em 5 de novembro de 1605, quando um católico converso chamado Guy Fawkes foi apanhado guardando pólvora na sua casa, tendo sido enforcado logo em seguida.

Em pouco tempo a data converteu se numa grande festa na Inglaterra (que perdura até hoje): muitos protestantes a celebravam usando máscaras e visitando as casas dos católicos para exigir deles cerveja e pastéis, dizendo-lhes: trick or treat (doce ou travessuras). Mais tarde, a comemoração do dia de Guy Fawkes chegou à América trazida pelos primeiros colonos, que a transferiram para o dia 31 de outubro, unindo a com a festa do Halloween, que havia sido introduzida no país pelos imigrantes irlandeses.

Vemos, portanto, que a atual festa do Halloween é produto da mescla de muitas tradições, trazidas pelos colonos no século XVIII para os Estados Unidos e ali integradas de modo peculiar na sua cultura. Muitas delas já foram esquecidas na Europa, onde hoje, por colonização cultural dos Estados Unidos, aparece o Halloween enquanto desaparecem as tradições locais.

 

Fonte: wikipedia

 

Como sabem, sou super fã da ovelha choné por isso olhem.... Divirtam-se neste halloween!

 

https://mail.sapo.pt/mail/imp/view.php?actionID=view_attach&id=2&muid=%7B5%7DINBOX172&view_token=7qe26hLtIWd5hLaYAQLNnIs&uniq=1446315283791

26
Out15

139. EMAs

Sobre os outfits do pessoal que foi aos EMAs Milano nem vou comentar porque a maioria que vi aqui foi terrível.

 

De resto, o vencedor da noite foi mesmo o Bieber... ME-DO! E pronto mais não digo. Hoje é mesmo assim.

25
Out15

138. O pânico da folha/monitor em branco

Pois é... com o acelerar da semana passada não consegui parar para escrever. Mas para piorar as coisas ando com aquela sensação de o que vou escrever???? A folha em branco pode ser assustadora... de modo que neste momento ando em modo introspectivo, até pelo estágio da especialidade que o obriga!

Desejo-vos uma óptima semana!

 

25
Out15

137. Jornadas Iris - Jornadas Inter-religiosas para a Inclusão Social

Ontem pude participar nas Jornadas Iris - Jornadas Inter-religiosas para a Inclusão Social promovidas pela ASA - Associação Ser Ajuda. Esta associação tem realizado ao longo dos anos um trabalho muito interessante na freguesia da Ajuda (Lisboa). Brevemente disponibilizarei mais informação sobre a mesma.

Relativamente às jornadas o tema foi "O papel das religiões na Luta contra a pobreza" e contou com um interessante painel de convidados.

 

IMG_9843 - Version 2.jpg

 

Os workshops que antecederam a cimeira foram:

- A missão diplomática como testemunho para a promoção do encontro entre nações - Tzipora Rimon (Embaixadora de Israel em Portugal)

IMG_9873.jpg

 

 - Luta contra a pobreza: Uma experiência vivida - C.A.S.A.

IMG_9899.jpg

 

- Luta contra a pobreza: Uma experiência vivida - Comunidade Vida e Paz

IMG_9919.jpg

 

- Práticas internas Taoístas

IMG_9931.jpg

 

IMG_9942.jpg

 

Entre os workshops e a cimeira foi possível assistir a um breve espetáculo da Tuna, sempre bem disposta claro!

 

IMG_9956.jpg

 

IMG_9957.jpg

 

IMG_9960.jpg

 

IMG_9961.jpg

 

IMG_9963.jpg

 Embora o protocolo diga que os intervenientes devem começar por ordem alfabética de religião, excepcionalmente iniciou-se pela religião islâmica por motivos de agenda do Sr. Sheik Munir, cujo tema foi O Islamismo em Portugal.

IMG_9984.jpg

Seguiu-se Frei Fernando Fonseca, da Ordem Franciscana Secular.

IMG_0003.jpg

Fernando Santos, Representante da Associação para a Paz do Mundo (escola Budista)

IMG_9994.JPG

E, por fim, Vasco Lança, orientador da Associação Fung Loy Kok, Taoísmo Portugal.

IMG_0015.jpg

Todas as intervenções foram interessantes e mostraram que todos juntos podemos agir contra a pobreza... O segredo está em cada um de nós, no nosso interior, sendo o amor o denominador comum.

 

Deixo mais alguns momentos deste dia bastante intenso!!!

 

IMG_9845.jpg

 

IMG_9847.jpg

 

IMG_9851.jpg

IMG_9901.jpg

IMG_9857.jpg

 

 

 

Créditos:

Organização: Associação Ser Ajuda - A.S.A.

Fotografia: JP

16
Out15

133. Dia mundial da alimentação

Hoje celebra-se mais um dia mundial da alimentação, dia de fundação da FAO (Organização para a alimentação e agricultura das Nações Unidas). Como objetivos para este dia, salienta-se:

- Aumentar a consciência das pessoas;

- Divulgar a informação sobre a alimentação saudável,

- Alertar para a importância da segurança alimentar,

- Mobilizar as pessoas para angariar fundos contra a fome a nível mundial.

 

Este ano, o tema da comemoração é a "Proteção social e agricultura: quebrando o ciclo de pobreza rural" de modo a desenvolver-se políticas e programas para promover a segurança alimentar e erradicar a pobreza mundial, em especial em locais rurais.

 

Acresce ainda referir que este ano a DGS, em parceria com a rede de bibliotecas escolares, o plano nacional de leitura e a ordem dos médicos dentistas, vai assinalar o dia de hoje com cartezes que relacionam a saúde oral e a alimentação!

 

 

De referir que uma alimentação saudável é fundamental para a saúde. Existem muitas correntes relacionadas com alimentos a evitar, o que se deve comer...

Nós que vivemos na área onde se desenvolveu a dieta mediterrânica temos todas as vantagens em manter a mesma no nosso dia a dia.

Eu sou apologista de que podemos comer de tudo um pouco mas com moderação. E nada melhor do que termos como referência a roda dos alimentos para equilibrar a nossa alimentação.

 

Já sabem! Comer de tudo, com moderação, aliado a exercício físico e uma boa higiene oral são os requisitos fundamentais para nos mantermos saudáveis!!!

 

http://www.alimentacaosaudavel.dgs.pt

 

16
Out15

132. Politiquices.....!

Bom dia! Hoje é sexta feira, para muitos o último dia de trabalho da semana (não esquecer que há muita gente que trabalha por turnos e fins de semana), mas quero deixar um assunto aqui para reflexão.

Vivemos em democracia desde o dia 25 de abril de 1974, isto significa que o povo tem algo a dizer sobre quem quer ver a representá-lo no parlamento. A verdade é que as coisas não têm andado nada fáceis e o povo foi obrigado a fazer muitos sacrifícios... sim, e a verdade é que isto tem acontecido (em diferentes proporções é certo) um pouco por todo o mundo.

Ora, posto isto, no passado dia 4 de outubro fomos a votos e o voto falou. Disse de sua justiça. Quer se goste ou não, quer com muita expressividade ou não, mais abstenção (que demonstra a pouca confiança que os diversos políticos têm passado), já estamos a dia 16 e governo que é bom, NADA. Ora... Isto em nada contribui para dignificar o nosso país, o seu povo e os seus sacrifícios, por isso lanço um apelo: Sr. Costa, deixe-se de confusões. Sr. Cavaco, por favor ponha termo nisto e arranjem uma solução de acordo com a vontade do povo porque já chega.....! Vamos por ordem na casa e trabalhar para contribuir para o nosso país!

 

Ok. Foi um post um pouco diferente do habitual, mas é que esta indecisão já cansa

 

Para aliviar, cá vai o momento da semana! Vasco Palmeirim és o maior!!!

 

 

Pág. 1/2